Via Veneto

Presente durante mais de 30 anos no charmoso bairro de Pinheiros, recentemente a Lapa ganhou a nova unidade do Via Veneto, referência na arte da boa gastronomia italiana. Os pratos fartos, em sua maioria, servem facilmente duas pessoas.

A casa oferece massas caseiras, feitas no próprio restaurante e o som de músicas napolitanas e o ambiente nos remete a Itália, por todo instante. Muito simpático, o proprietário Gomes Araújo, atende todas as mesas e conversa com os clientes.

Sugiro experimentar a lasanha, capeletti, ravióli, rondelle, além do spaghetti. Em média um prato para duas pessoas (ou até três) não passa de R$50. Para quem gosta do molho bolonhesa, como eu, é um dos melhores da cidade, mas opções como ao sugo e creme de leite fazem sucesso.

O Via Veneto ainda serve saborosas pizzas no salão para até 120 pessoas e massas caseiras, podem ser compradas diretamente no restaurante, ou aquecidas em sua própria residência.

Serviço:

Rua Brigadeiro Gavião Peixoto, Lapa, São Paulo, SP, Tel. (11) 3645-4432.
Eu no Via Veneto

Chandon

A Chandon pertence à um dos maiores conglomerados de luxo do mundo, que é o LVMH (Moet Hennessy Louis Vuitton) - que atua no ramo de bebidas, moda entre outros.

No fim de ano é comum as pessoas de bom gosto, adquirirem os espumantes Réserve Brut e Brut Rosé. 

Elegantes e agradáveis podem ser encontrados em boas lojas do país, nas garrafas de 750, 375 ou 187 ml, chamada de "baby".

Ambas deixarão a passagem de ano ainda mais saborosa, combinando com a alta temperatura do verão brasileiro e com pratos como peixes, aves e saladas. A garrafa de 375 ml custa pouco menos de R$30.

Cremecouro é perfeito para seus calçados

Produzido pela Novax, Cremecouro é o creme para conservação de calçados, mais prático e higiênico da atualidade, já que com uma simples lavagem com água e sabonete após o manuseio, todas as manchas nas mãos saem. Nos tons preto e marrom, o produto foi feito para sapatos em couro, masculino ou feminino. Visite o site www.novax.com.br e conheça mais da linha Cremecouro.

Vou abrir o comércio aonde?

Recentemento o jornal O Estado de S. Paulo, mostrou no caderno de oportunidades, um estudo revelando onde o sucesso é maior, no quesito comércio. Para se ter uma ideia, bairros nobres como Itaim Bibi, Consolação e Jardins, necessitam de serviços básicos, mais comuns em áreas simples ou movimentadas - como oficinas mecânicas.
Há quem tenha que se adequar com a modernidade do mundo dos negócios, como fez Manoel Severiano Filho, da Casa de Pães Souza - que serve café da manhã e almoço, já que os supermercados nos últimos anos, "roubaram" parte da clientela das padarias, por também servirem pães.
A pesquisa aponta que regiões como Cidade Tiradentes e Grajaú, sentem ausência de lanchonetes - sendo esse um bom tipo de serviço para ser instalado, nesses ares. A matéria não apontou dados do comércio especializado, como a Rua da Consolação e suas lojas de lustres e luminárias e a São Caetano e seus vestidos de noivas. Creio que a falta de espaço para novas opções, seja a principal dificuldade para ingressar no ramo específico.

Kit Tabasco com cinco sabores

Um belo presente nesse final de ano, é o Kit Tabasco com cinco tipos de pimentas diferentes. Cada "garrafinha" com 60 ml - combina com certo tipo de refeição. A de cor esverdeada, denominada Green, serve com saladas e ovos mexidos e seu tempero é suave. 

A versão Garlic é a suave com alho, que combina com massas e frutos do mar. A Chipotle (jalapeño defumada) deve ser usada em churrascos e a Red original, que vai com pizza e sopas. Já a Habanero, conhecida como extra forte - fica ótimo com massas, frutos do mar e pratos exóticos.

Fabricada pela Mcllhenny Company - Avery Island Louisiana (EUA) e sua importadora e distribuídora no Brasil é a Aurora Bebidas e Alimentos Finos Ltda. 

A embalagem com os cinco molhos pode ser encontrada em ambientes finos de São Paulo.

Lançamento do Anuário Brasileiro das Agências de Comunicação

Com muito sucesso, Eduardo Ribeiro, diretor da Mega Brasil Comunicação, lançou na última quarta-feira (15) - o Anuário Brasileiro das Agências de Comunicação - no Teatro Vivo, na zona sul de São Paulo.

De acordo com Ribeiro, o novo guia servirá como uma grande agenda para os jornalistas, que encontrarão 400 agências de comunicação, especializadas em assessoria de imprensa e clientes.

Essa edição possui tiragem de 5 mil exemplares e glossário para ajudar em qualquer tipo de pesquisa. A solenidade contou com a presença de um coral, mostrando a vasta cultura de nosso país.

Após a atração, um coquetel regado a espumantes, foi servido aos presentes. Saiba mais do anuário no site http://www.megabrasil.com.br/anuario/.

Convite para o eventoApresentação do eventoLindo coral, cantando músicas regionaisCoquetelEu no evento

Prova Pedestre Sargento Gonzaguinha 2.010

No último domingo, 12, Marílson Gomes dos Santos, venceu os 15 quilômetros da Prova Pedestre Sargento Gonzaguinha, realizada nas zonas centrais e norte de São Paulo. Entre as mulheres, Beatriz Nascimento ganhou sua primeira Gonzaguinha.

Marílson que hoje é o maior corredor brasileiro, levou o bicampeonato da edição de número 44 da corrida e se tornou um nome ainda mais forte para a São Silvestre do próximo dia 31, levando 44m23s para terminar o percurso.

A prova teve largada na Escola de Educação Física da Polícia Militar, na Avenida Cruzeiro do Sul e durante toda sua duração, um calor desgastante conviveu com os atletas de elite e amadores.

"Foi muito importante correr a Gonzaguinha, pois estava parado desde a Maratona de Nova York, no mês passado. Eu precisava ter uma noção de como estava minha parte física e deu pra ver que estou bem. Meu objetivo agora é ganhar a São Silvestre. Estou bem preparado e vou lutar por este objetivo. Não vou entrar para ser segundo ou terceiro. Quero ganhar", afirma Marílson.

Destaco que acompanho também as provas de rua, pois minha mãe também correu e novamente, desde 2.005 - participou mais uma vez da Sargento Gonzaguinha.
Largada do pelotão geralBeatriz Nascimento vence sua primeira GonzaguinhaMarílson dos Santos ganha sua segunda Gonzaguinha
Atleta amador que sempre corre com as cores do São Paulo Futebol Clube

Carlino Ristorante

A classificação do Carlino Ristorante é bastante interessante. Trata-se do espaço gastronômico mais antigo da cidade, fundado em 1.881 e ainda em pleno funcionamento.

A gastronomia italiana, oriunda de Lucca, região do país - é chefiada por Antonio Carlos Marino, que preza pela tradicional culinária italiana e inova com novos pratos e sabores.

O novo sucesso da casa é o almoço executivo, servido de segunda a sexta, contendo o prato principal, buffet de saladas e frutas da estação - com preço inicial de R$25,90 por pessoa.

Como entrada sugiro o tradicional pão italiano e entre os pratos, destaco o ravióli di ricotta com búfala gratinado com molho branco. Há ainda boas opções de carnes, aves e peixes. A casa atualmente trabalha com o sistema delivery pela região oeste e central.

Serviço:
Rua Traipu, 91, Perdizes, São Paulo, SP, Tel. (11) 2359-7269.

Casal Garcia Rosé

Produzido na região de Vinho Verde, em Portugal, a marca Casal Garcia se tornou um símbolo de qualidade, aliada à bom preço. 

O produto sensação atualmente é o Rosé, que muito se assemelha com os tradicionais e frescos espumantes, que devem ser servidos frios.

Refrescante e de aroma frutado, o Rosé é produzido com uvas viníferas europeias, pela Aveleda - que há mais de 300 anos, se dedica ao cultivo das uvas. 

O vinho possui toques de framboesa e morango e sua safra é do ano passado. Com 10,5% de graduação alcoólica, combina perfeitamente nos dias quentes. 

Pode ser encontrado nos supermercados paulistanos na faixa de R$35.

Restaurante Feijão de Corda

Feijão de Corda é um renomado restaurante de São Paulo, quando o assunto é comida nordestina. Conta com diversas unidades: Freguesia do Ó, Ipiranga, Butantã e Santana. São muitos pratos típicos, envolvendo aves, carnes, sobremesas e mais.
Diariamente eles servem picanha grelhada, bacalhau grelhado e o delicioso bacalhau ensopado. Nas segundas, é possível saborear o famoso virado à paulista, e como todo bom restaurante, quarta e sábado é dia da suculenta feijoada.
Quando for lá, experimente a costela de porco frita, carne de sol com mandioca na manteiga, galinha com quiabo, caldo verde e as sobremesas. O ambiente é arejado, em um simpático casarão antigo.
Avenida Ministro Petrônio Portela, 1.049, Freguesia do Ó, São Paulo, SP, Tel. (11) 3991-1240.


Taylor's e o Vinho do Porto 1.855

Taylor's Scion é um Vinho do Porto, produzido em meados do século XIX e que após 155 anos de envelhecimento em casco, continua em satisfatório estado de conservação. 

Vinhos como esse, jamais serão elaborados novamente, fazendo do mesmo um objeto cobiçado por colecionadores.

O belíssimo exemplar do Porto, custa 2 mil e quinhentos euros e apresenta cor marrom profunda, com sabores de cana, café e cedro. 

O produto pode ser adquirido pela Portus Cale - www.portuscale.com.br - que se localiza em Perdizes, na zona oeste de São Paulo.

Restaurante e Churrascaria Senzala

Famoso na zona oeste paulistana, o Restaurante e Churrascaria Senzala oferece pratos caprichados e saborosos.

Enquanto o bar de frente ao restaurante é extremamente agitado, a churrascaria é mais calma.

Toda quarta-feira e sábado é dia da suculenta feijoada, servida com todos seus ingredientes. Pelas noites, a pedida são as boas pizzas da casa.

Entre as saladas, destaque para a americana e a de palmito. O frango grelhado com fritas também é caprichado e serve duas pessoas.

Entre as carnes, picanha, maminha, baby beef e ojo de bife são sucessos. A costelinha suína é uma das mais tenras da cidade, e é guarnecida de vinagrete e farofa. Há muitos pratos na faixa de R$40 e R$60.

Serviço:
Praça Panamericana, 31, Alto de Pinheiros, São Paulo, SP, Tel. (11) 3812-5582 - www.senzala-sp.com.br/restaurante/senzala.html

Frango grelhado com fritas
Costelinha com farofaEu avaliando o Senzala

Esmalte de R$225 mil

O esmalte mais caro do mundo custa R$225 mil. Trata-se do Models Own, um produto desenvolvido com lascas de ouro e tampa de vidro cravejada em brilhantes, com mais de 1 mil pedras. Lançado pela joalheria inglesa Frost of London, o esmalte está sendo comercializado apenas sob encomenda.

A Lapinha

Há quase 10 anos, A Lapinha figura como um dos bons bares da zona oeste. Recentemente uma tradicional revista, classificou o escondidinho da casa, entre os melhores da cidade. A casa é famosa pelo tradicional chopp (inclusive o Brahma Escuro) e as reuniões de torcedores que acompanham o futebol.
O almoço diário que é servido até 15h30, possui um menu caprichado. Experimente o filé de peixe com o molho de alcaparras com maracujá, ou a suculenta linguiça acebolada com molho vinagrete. Salada de rúcula ou bolinho de aipim são deliciosos acompanhamentos.
O bar oferece oito tipos de escondidinhos, com destaque para o de carne seca com aipim, bacalhau com batata, camarão com abóbora, costela com aipim e vegetariano. O torresmo frito e o bolinho de arroz também valem a visita.

Rua Coriolano, 336, Vila Romana, São Paulo, SP, Tel. (11) 3672-9171.

Prêmio Opinião Pública 2.010

Foi realizado na última segunda-feira (30) o Prêmio Opinião Pública (POP) - chegando a edição de número 30. O evento ocorrido no Memorial da América Latina, na Barra Funda, em São Paulo contou com coquetel e cerimônia de entrega de prêmios, para os profissionais de relações públicas.

Para Elaine Lina Massoco, presidente do Conrerp 2ª Região, a atividade de Relações Públicas "alcançou um valor imenso no Brasil contemporâneo e no mundo globalizado, e o prêmio comprova a importância que organizações públicas, privadas e do terceiro setor dão à atividade".

A homenagem máxima da noite foi atribuída para Carlos Eduardo Mestieri, da Rede Inform de Comunicação, pelos 47 anos dedicados ao mundo das relações públicas - recebendo o Prêmio Vera Giangrande.

Entre os 19 premiados, destaque para o projeto Embratur na Copa do Mundo 2.010, elaborado pela FSB Comunicação e Maré Cultural, organizado pela Construtora OAS.
Convite para a solenidadeApresentação no Memorial da América Latina
Eu no evento

Casa de Pães Villa Real

Há menos de dois anos instalada no limite entre Água Branca e Lapa, a Casa de Pães Villa Real, cativou o público do bairro. Com dois andares, a padaria proporciona ao cliente, um belo bufê de café da manhã, além do forno para pizza. Entre as redondas, recomendo a de calabreza, marguerita, napolitana, palmito e toscana.
Os pães de metro também arrancam suspiros, com recheios tradicionais ou light. O de salame italiano, leva queijo estepe, patê de provolone, tomate e alface. Entre a linha light, prove o de ricota com uvas passas.
Além do pão francês o dia todo, a padaria serve um saboroso almoço diário, por quilo e para os apreciadores de bons lanches, sugiro saborear por menos de R$10, o filé com vinagrete ou a calabresa que também leva o condimento, ambos feitos no pão francês. Os doces, como a torta de limão e a bomba de chocolate.
Praça dos Inconfidentes, 21, Água Branca, São Paulo, SP, Tel. (11) 3803-9845.

Novilho de Prata

Com cinco restaurantes em São Paulo e um em Barueri, a churrascaria Novilho de Prata - tornou-se referência na arte da boa gastronomia. Além do tradicional rodízio com carnes nobres, a casa oferece aos clientes muito conforto, refinamento e qualidade.
A primeira unidade, criada em 1.987, foi a da Barra Funda e entre os cortes de destaque, estão: maminha, picanha, alcatra, bife ancho e carré de cordeiro. Agora no fim de ano, também será servido o leitão recheado, peru, chester, bacalhau e frutas da época.
O buffet de pratos quentes e saladas do Novilho de Prata, possui uma boa variedade, com frutos do mar e boas massas. A carta de vinhos e drinks também fazem o sucesso da casa. O rodízio de maior variedade ocorre aos sábados, domingos e feriados - valendo R$60 por pessoa.
Avenida Marquês de São Vicente, 1.215, Barra Funda, São Paulo, SP, Tel. (11) 3619-5454.