O charme de Campos do Jordão

Fundada em 29 de abril de 1.874, a cidade de Campos do Jordão, localizada no Vale do Paraíba – interior paulista, na região da Serra da Mantiqueira é sem dúvida um dos municípios mais famosos do Brasil. Pode ser chamada também de Estância de Campos do Jordão, pois a mesma é considerada estância hidromineral e turística. Sendo assim, o turismo é a sustentação de sua economia, com a presença de visitantes de todo o país, além de turistas estrangeiros. A maior procura nos hotéis e pousadas acontece justamente no inverno, em especial nos meses de junho e julho, em que a cidade em muitos momentos, pode atingir temperaturas abaixo de 0 graus Celsius.
O clima ameno no verão e o frio no inverno renderam o apelido de “Suiça Brasileira”, juntamente com sua arquitetura tipicamente européia. O caminho para se chegar a Campos do Jordão é feito pela Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro, que se inicia em Taubaté. A localização é muito boa, pois se encontra estrategicamente entre as três maiorias capitais brasileiras – São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Para se ter uma idéia, São Paulo está em torno de 180 quilômetros de distância de Campos do Jordão. A cidade com área de 289,5 quilômetros quadrados possui três grandes bairros, sendo o de Abernéssia, Jaguaribe e Capivari – que é o mais elitizado e badalado de todos. Por causa disso, muito da imagem “vendida” se relaciona com Capivari, a região elegante, rodeada de restaurantes nobres, bares, cafés, hotéis, pousadas e os melhores eventos, “escondendo” assim os problemas, a parte proletária e sua população carente. Um dos símbolos da região é a Estrada de Ferro Campos do Jordão, que liga a cidade até Pindamonhangaba, sendo utilizada hoje em dia, para passeios turísticos, de propriedade do Governo do Estado. A estrada possui 47 quilômetros, e o trem atinge velocidade média que varia de 16 a 32 km/h – carregando até 40 passageiros. Outro ponto de grande visitação é o Parque Turístico Capivari, que possui o primeiro teleférico brasileiro, construído em 1.970, além de pedalinho e brinquedos infantis.
Para quem gosta de “comer bem” – opções como Spazio di Paolo, Toribinha, Baden-Baden, Mercearia Campos, Vila Chã, Festival Della Pasta entre outros fazem muito sucesso. Falar em Campos do Jordão e não mencionar o Festival de Inverno, maior evento de música erudita do Brasil seria um pecado. Anualmente, mais de 80 mil pessoas assistem o festival, nos mais variados pontos, entre eles a Praça do Capivari e o Auditório Cláudio Santoro. Para conhecer mais essa peculiar cidade, visite o site oficial – www.camposdojordao.sp.gov.br.

Comentários